Julgue muito! | Hábitos de pessoas altamente miseráveis

Julgue sem parar. Tenha certeza de possuir uma lista de desgostos e os expresse pelo menos algumas vezes por dia. Mesmo que sua opinião não tenha sido solicitada. Por exemplo, nunca hesite em dizer: “Que tipo de risada é essa?” ou “Você não tem uma roupa melhor para vestir?”. Se alguém está comendo algo, diga que não gosta desse algo. Sua negatividade pode ser aplicada a praticamente tudo.

Ajuda muito se você pensar que seu julgamento tem status de verdade absoluta. Além disso, habitue-se a julgar as coisas de um modo que deixa você em uma situação especial, como se estivesse à parte em uma posição privilegiada. Deguste o prazer de criticar por criticar sem se comprometer com coisas chatas como lógicas, pressupostos, contextos, relevâncias e afetividades. O que importa é apenas continuar julgando, julgando sem parar e sempre, sempre poder ouvir sua própria voz opinando.

Exercício: Liste 20 coisas que você desgosta. Veja quantas vezes você pode inseri-las em uma conversa no curso de um dia. Para melhores resultados, desgoste de coisas que você nunca experimentou ou se permitiu gostar ou compreender.

Essa post é inspirado e parcialmente copiado do artigo The 14 Habits of Highly Miserable People, de Cloe Madanes

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s