Julgue muito! | Hábitos de pessoas altamente miseráveis

Julgue sem parar. Tenha certeza de possuir uma lista de desgostos e os expresse pelo menos algumas vezes por dia. Mesmo que sua opinião não tenha sido solicitada. Por exemplo, nunca hesite em dizer: “Que tipo de risada é essa?” ou “Você não tem uma roupa melhor para vestir?”. Se alguém está comendo algo, diga que não gosta desse algo. Sua negatividade pode ser aplicada a praticamente tudo.

Ajuda muito se você pensar que seu julgamento tem status de verdade absoluta. Além disso, habitue-se a julgar as coisas de um modo que deixa você em uma situação especial, como se estivesse à parte em uma posição privilegiada. Deguste o prazer de criticar por criticar sem se comprometer com coisas chatas como lógicas, pressupostos, contextos, relevâncias e afetividades. O que importa é apenas continuar julgando, julgando sem parar e sempre, sempre poder ouvir sua própria voz opinando.

Exercício: Liste 20 coisas que você desgosta. Veja quantas vezes você pode inseri-las em uma conversa no curso de um dia. Para melhores resultados, desgoste de coisas que você nunca experimentou ou se permitiu gostar ou compreender.

Essa post é inspirado e parcialmente copiado do artigo The 14 Habits of Highly Miserable People, de Cloe Madanes

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s