A voz do Zé Cláudio

Zé Cláudio e sua esposa Maria do Espírito Santo foram assassinados. Zé Cláudio foi um dos palestrantes do TEDxAmazônia, onde contou que sua vida estava sob ameaça. Zé se negava a permitir a derrubada ilegal das castanheiras na terra onde vivia, no Arco do Desmatamento – a fronteira entre a floresta e a devastação, a imensa linha de destruição que avança norte adentro.

Mortos seis meses depois de prever o assassinato, Zé e sua esposa foram emboscados próximos de sua casa no assentamento de Nova Ipixuna, perto de Marabá. O casal  não tinha proteção policial apesar das frequentes ameaças de morte. Não eram “autoridades”.

É bastante perturbador saber que o casal assassinado foi vaiado por ruralistas e suas claques durante a votação da reforma do Código Ambiental, no Congresso Nacional.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s