Aparência e Ilusão

via this eager heart of mine

“Entretanto, é difícil livrar-se do hábito de pensar que as coisas existem no mundo ‘lá fora’ ou ‘aqui dentro’. Isso significa renunciar a todas as ilusões que você cultiva e reconhecer que tudo o que você projeta, tudo o que você considera como ‘outro’ é, na verdade, a expressão espontânea de sua própria mente. Isso significa abandonar ideias sobre a realidade e, em vez disso, vivenciar o fluxo da realidade como ela é. Ao mesmo tempo, você não precisa desvincular-se completamente de suas percepções. Você não precisa se isolar em uma caverna ou em um retiro no alto de uma montanha. Você pode apreciar suas percepções sem se envolver ativamente nelas, olhar para elas da mesma forma como olha para objetos que vivencia em um sonho. Você pode, com efeito, começar a se maravilhar com a variedade de experiências que se apresentam a você”. (Yongey Mingyur Rinpoche, 2007)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s